DEDICATÓRIA

    

            Estes Versos às Minhas Seis Gotas de Orvalho: A primeira, a Gota Mãe, Jamile, que, com o sereno da noite, foi crescendo e se rompendo, criando, uma a uma, as cinco gotinhas doiradas, minha riqueza e minha loucura: Luiz Roberto, Paulo, Antonio Carlos, Reinaldo e Maria Regina.

            Nada mais a dizer! As gotas já estão rolando.

            Tenho Dito!
 

Menu Próxima